Sustentabilidade

Engajamento de stakeholders

3º edição do Energia em Foco amplia conhecimento sobre o setor elétrico

Especialistas abordaram temas como os desafios atuais do setor elétrico e o cenário macroeconômico no País

A+ A-

A AES Tietê realizou em 16 de abril a 3ª edição do evento Energia em Foco. Com o objetivo de dialogar sobre temas importantes e que têm influência nos negócios da empresa, o encontro buscou estreitar o relacionamento com cada um dos atuais e potenciais clientes.

Os convidados foram recebidos ao som do violino de Eduardo Navarro, colaborador da AES. Em seguida, assistiram à performance ‘Terra Seca, Causo e Poesia’,  dos alunos da Casa de Cultura e Cidadania, principal projeto de responsabildiade social da AES no Brasil, um recorte narrativo de poesias e causos de Ariano Suassuna e Patativa do Assaré. O evento contou, também, com uma exposição digital, apresentando a história da AES Tietê, a partir da construção das usinas, na década de 60, e que hoje são fundamentais para contribuir para o desenvolvimento econômico do País. 

“O Energia em Foco é uma forma de nos aproximarmos ainda mais dos nossos clientes e potenciais clientes, visando estabelecer e manter parcerias sustentáveis e fornecendo conteúdo de alta qualidade que informa decisões e estratégias das empresas de diferentes segmentos“, explica Ricardo Cyrino, vice-presidente de Negócios da Geração.

Os desafios do setor elétrico

O setor de energia elétrica vive um momento sensível, em função da crise hidrológica acentuada em 2014. O cenário em 2015 ainda é incerto tanto para o setor de energia quanto para a economia, que também foi afetada significativamente pela crise hídrica.  Hoje, no setor de energia, geradores, transmissores, distribuidores e demais agentes do setor elétrico têm muitos desafios para colaborar com a recuperação do setor.

De acordo com Britaldo Soares, presidente da AES no Brasil, a questão hidrológica veio para acentuar a situação. “Temos inúmeros desafios e complexidades para discutir e nos ajudar. O 3º Energia em Foco busca contribuir para que os clientes tenham a melhor visão possível de como as coisas estão caminhando, o que está acontecendo no mercado e o que temos pela frente. A AES Tietê está recontratando seu portfólio de energia de 2016 para frente e estamos aqui para apresentar essa posição e suprir as necessidades de energia dos nossos clientes no mercado livre”, completa.

Para Adriano Pitoli, diretor da Consultoria Tendências e economista com mais de 15 anos de experiência em consultoria econômica e setorial, uma análise do cenário econômico explica que há baixa confiança no cenário atual e que a retomada em 2016 deve ser lenta, diante das restrições ao crescimento do País. “Quando se fala em crise hídrica, que afeta diretamente o setor elétrico, estamos vivendo um choque tarifário e isso provoca impactos econômicos relevantes nos setores em que a energia elétrica pesa mais na estrutura de custo; estes vão sofrer mais com a perda de competitividade. É vital para a sobrevivência das empresas distinguir preços e oportunidades, que fazem parte da mudança na nova política econômica”, completa Pitoli.

Hermes Chipp, diretor Geral do Operador Nacional do Sistema Elétrico (ONS), falou sobre os desafios do setor elétrico e destacou as condições hidrológicas das próximas semanas, apresentando um balanço dos níveis de abastecimento entre 2014 e 2015.  E, segundo Chipp, não haverá racionamento  em 2015.  

 A participação do cliente

Para Vicente José Vale, da UNICAMP, esse encontro é uma forma de sentir o mercado. “A UNICAMP está trabalhando na contratação de energia por um período de dois, três ou até, quem sabe, cinco anos. Com o que foi apresentado no evento é possível decidir rapidamente.”

Responsável por aplicações eletroeletrônicas na Federal-Mogul Powertrain, Ademar Parra Passoni conta que o Energia em Foco colaborou para a estratégia da empresa onde trabalha. “Com os assuntos discutidos, observamos que a AES é uma empresa que está em alta no mercado de energia elétrica e isso já é um conforto para nossa empresa.”

Para saber mais sobre a AES Tietê, confira o Relatório de Sustentabilidade 2014, clique aqui!

Notícias relacionadas

Engajamento de stakeholders

Infância não combina com trabalho

AES Brasil é empresa referência em boas práticas no combate ao trabalho infantil

Engajamento de stakeholders

Fornecedores compartilham boas práticas

Ganhadores do ?Prêmio Melhores Fornecedores 2015? apresentam seus cases de sucesso em evento na sed...

Engajamento de stakeholders

Julian Nebreda fala sobre produtividade em evento

Para o presidente da AES no Brasil, produtividade é essencial para a competitividade do país, e mudan...

Houve um problema no envio da mensagem.
Por favor, tente novamente.